Segundo piloto envolvido em acidente na Moto 1000GP, morre no hospital

Morreu no hospital o piloto André Veríssimo Cardoso, envolvido em grave acidente com o piloto Érico Veríssimo da Rocha durante a primeira volta da categoria GP 1000 na tarde deste domingo (27), durante a quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade em Cascavel (PR).

André Veríssimo, de 42 anos, foi encaminhado pela equipe de resgate do campeonato em estado gravíssimo para unidade hospitalar de referência. Segundo informações médicas do hospital, após atendimento emergencial, ao ser encaminhado para o centro cirúrgico, ele teve uma parada cardiorrespiratória não resistindo e vindo a falecer.

A batida entre as motos aconteceu no autódromo Zilmar Beux, após um dos pilotos perder o controle caindo sobre a via, na sequência outro competidor não consegue desviar, atingindo violentamente o outro piloto. Érico Veríssimo morreu a caminho do hospital. 

 

Tarobá News

Entre para os nossos grupos:

Compartilhe:

Últimas notícias

Fórum de Inovação do COMCITI teve compartilhamento de ideias e experiências em destaque

No último sábado (24), o auditório do Centro de Eventos Ismael Sperafico em Toledo tornou-se o

Fórum de Inovação do COMCITI teve compartilhamento de ideias e experiências em destaque

No último sábado (24), o auditório do Centro de Eventos Ismael Sperafico em Toledo tornou-se o

DER reforça sinalização na PR-317 após série de acidentes graves entre Toledo e Ouro Verde do Oeste

Na manhã desta segunda-feira (26), trabalhadores de uma equipe terceirizada, responsável pela prestação de serviços para

Garoto realiza o sonho de conhecer o Exército Brasileiro

Macapá (AP) – O pequeno Gabriel, de apenas cinco anos, realizou o sonho de conhecer um quartel

PMPR apreende grande quantidade de armas e munições em São Miguel do Iguaçu

Na madrugada desta segunda-feira (26), durante a Operação Protetor, o Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFRON)

Chamar no whatsapp
Envie sua denúncia ou entre em contato
Envie sua denúncia ou entre em contato